segunda-feira, 25 de agosto de 2008

EU CONTO A HISTÓRIA

Diante da falta de interesse pela leitura e problemas de produção escrita observados na Turma 84 (TOPAS), o Projeto “Eu Conto a História”, desenvolvido pelas professoras Rosana (articuladora do projeto TOPAS) e Clélia (professora de Língua Portuguesa) visa levar o aluno a viajar e recriar uma história por ele já conhecida.

São objetivos deste trabalho:

Ler e recontar de forma diferente, contos, fábulas e clássicos da literatura infantil;

Construir pressuposições antecipadoras do sentido, da forma e da função do texto.

Confecção do livro “Eu Conto a História” (livro composto por: capa, folha de rosto, dedicatória, histórias...).

Estamos em fase de conclusão das histórias e iniciando as dedicatórias.

16 comentários:

matheus disse...

Nois do grupo topas estávamos num projeto feito pela professora Rosana e Clelia, agente tinha que pegar um livro e depois modificar essa historia mais tinha que ficar com o mesmo sentido.
Foi muito legal, tirando algumas bagunças hehe

Matheus J. Bernardo

matheus disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Sala Informatizada - EBM Brigadeiro Eduardo Gomes - Campeche. disse...

Eu sou a Elaine da turma 84 participei do projeto "eu conto a História.Tudo começou pela escolha dos livros clássicos infantis todos leram seu livro e depois começamos a fazer a sua própria história.Depois fomos para sala informatizada e começamos a digitar história .Terminadas as produções escritas iniciamos os desenho.Essa parte foi a mais complicada porque alguns alunos não tiveram interesse em fazer os desenhos,mas depois todos concluíram o trabalho.Partimos depois para a parte da capa e a escolhas das capas.
Nos ouvimos as história dos alunos e o que foi que modificado da história original.
O que achei foi um pouco de falta de interesse de alguns alunos porque eles não gosta de desenhar.

lucas disse...

Eu Lucas e os alunos do topas famos a biblioteca e pegamos livros classicos da leitura infantil e modificamos.
trocando personagens e desenhos e criando uma nova historia com isso nos aprendemos a pegar um livro original e modificar personagem e também texto depois de terminar a texto nos apresentamos para as professora e também alunos que estavam
presentes.

Sala Informatizada - EBM Brigadeiro Eduardo Gomes - Campeche. disse...

A turma 84 participou de um projeto,"Eu conto uma historia".Todos os alunos pegamos um livro de literatura Lemos e depois elaboramos uma historia nos demoramos bastante mas terminamos. Foi muito legal deu para mim aprender algumas coisas,isso foi ótimo.

Verônica

Wellington disse...

Eu, Wellington da Costa gostei muito de participar desse trabalho "Eu conto a história", porque mostrou como as pessoas podem ter imaginação para transcrever a história de outro jeito...

Esse projeto começou na biblioteca com as professoras ROSANA e CLÉLIA todos tiveram que ler uma história dos clássico da literatura infantil, e depois recontar a história de forma diferente. Foi bem massa porque não tive a oportunidade de fazer um trabalho desses antes.
Minha história foi da Bela e a Fera e eu transcrevi para o "AMOR NÃO EXISTI RIQUEZA" que falava sobre duas pessoas que se apaixonaram mas uma delas era muito rica e a outra era muito pobre, mas para o amor nao existi riqueza.

uashuashushusahsges

Sala Informatizada - EBM Brigadeiro Eduardo Gomes - Campeche. disse...

Eu gostei muito de poder editar a minha primeira história,achei muito interessante esse projeto por que agente pode sair da historia real e montar uma historia imaginaria e com isso aprendemos como se edita uma história.
Aluno;Marcus Vinicius.
Turma;;84(topas)

Sala Informatizada - EBM Brigadeiro Eduardo Gomes - Campeche. disse...

Eu João Eduardo achei que o projeto foi bem bom porque as histórias ficaram bem mais próximas da nossa realidade e muito mais interessantes. A minha história que era a Chapeuzinho Vermelho que foi modificada para o lobo é mal fico bem legal e divertida como todas as outras.Mais também teve Alunos que não mostrarão-se interessados mais com muita pressão conseguirão fazer a sua modificação da história.

Sala Informatizada - EBM Brigadeiro Eduardo Gomes - Campeche. disse...

Eu Tiago Braga da turma 84 achei muito interessantes o projeto Eu Conto a História que começou na biblioteca lendo uma história infantil.
Depois lemos o livro e recriamos a história do nosso jeito, eu achei que foi muito bom esse trabalho por que nunca
tivemos a oportunidade de fazer algo assim
produtivo antes, onde fizemos vários desenhos e discussões sobre o livro lido e o que iríamos criar.

Sala Informatizada - EBM Brigadeiro Eduardo Gomes - Campeche. disse...

Eu willian fiz o trabalho "Eu Conto Uma Historia" depois fomos a biblioteca escolher um livro de literatura infantil e tivemos que modificar a historia real e inventar uma historia com base na historia real.
Depois de modificar-mos a historia nos viemos até a sala informatizada passar nossa historia para o computador, Logo depois nós tivemos que fazer um desenho
sobre a historia, logo apos fizemos a dedicatória, A turma teve que apresentar a historia.o que eu mais gostei foi a capacidade de produção de texto da turma.

Sala Informatizada - EBM Brigadeiro Eduardo Gomes - Campeche. disse...

Bom eu Wanessa acho que esse projeto foi muito bom para todos nós alunos,por que nos tempo de hoje é difícil ver um aluno interessado em ler um livro de contos e clássicos para ler.
Esse trabalho iniciou com o projeto oficina de leitura depois indo até a biblioteca com intuito de fazer os alunos pegar um livro de literatura infantil para ler e criar uma história diferente mas relacionada a história original.
Com esse projeto acabei aprendendo a ter mais paciência em pegar um livro para ler e também não ficar louca para ter minara sem prestar a mínima atenção no livro.

Wanessa Mendonça

Sala Informatizada - EBM Brigadeiro Eduardo Gomes - Campeche. disse...

Eu Jeffersom Floripo Martins, criei uma história adaptada do conto "BARBA AZUL".Esse trabalho íniciou na bibliotéca, e foi sendo feito na sala de aula com a prof. Rosana, depois passou para a sala infortizada. La foram feitos os desenhos e foi feito a história no computador, lá foi terminado à história.
Depois disso eu apresentei minha hitória na sala informatizada, para meus colegas e para minha professora.

Com isso eu aprendi a usar melhor o computador, aprendi melhor a lingua portuguesa, e também ganhei nota com a história e com a apresentação.

Anônimo disse...

O Projeto Eu Conto a História foi criado pelas as professoras Rosana E Clélia.
Foi muito legal, nós alunos da 8º4 Topas tivemos que pegar um livro de literatura infantil, ler e depois modificar para o dias de hoje.
Foi muito interessante pois todo mundo pode usar sua criatividade.

Anônimo disse...

Eu Carlos, fiz um trabalho do projeto "Eu conto a história".
Me dediquei a fazer a história, mas o texto não ficou melhor porque eu tinha um pouco de desinteresse,mas a história ficou boa. Eu e os meus colegas fizemos as histórias para produzirmos um livro de contos.
Achei o trabalho importante.

Anônimo disse...

Eu Richard e a turma do Topas escrevemos uma outra história partida dos clássicos da leitura.
Nesse livro nós fizemos uma história nova, trocamos os personagens e seus nomes, criamos um novo título e foram feitas ilustrações e apresentação escrita com o objetivo de transformar tudo em um único livro da turma.
Achei que foi bem legal, porque os alunos se dedicaram bastante para esse livro.
No final foi feito a apresentação de todas as histórias para o grupo, onde todos tiveram a oportunidade de mostrar seu trabalho.
Foi super legal escutar e ver a história dos colegas.

Anônimo disse...

EU VICTOR PARTICIPEI DO PROJETO "EU CONTO A HISTÓRIA".TUDO COMEÇOU PELA ESCOLHA DE UM LIVRO DE CONTO DOS CLÁSSICOS INFANTIS, TODOS DA TURMA LERAM SEU LIVRO. QUANDO ACABAMOS DE LER CRIAMOS O NOSSO PRÓPRIO TEXTO. DEPOIS FOMOS PARA A SALA INFORMATIZADA E COMEÇAMOS A ESCREVER A HISTÓRIA E FIZEMOS DESENHOS QUE REPRESENTAVAM O TEXTO DA HISTÓRIA.
DEPOIS APRESENTAMOS A NOSSA HISTÓRIA PARA A TURMA. AS HISTÓRIAS FORMARAM O LIVRO "EU CONTO UM CONTO", ESSE LIVRO FICOU NA BIBLIOTECA.